Aprenda como evitar acidente de trabalho com 6 simples passos - Previnsa - Soluções em Segurança do Trabalho
Capacitação

Aprenda como evitar acidente de trabalho com 6 simples passos

Aprenda como evitar acidente de trabalho com 6 simples passos

 

Segundo a Organização Mundial do Trabalho (OIT), anualmente o Brasil registra 700 mil acidentes de trabalho. Somos o quarto país com mais ocorrências, atrás apenas na China, Índia e Indonésia. Confira 6 dicas simples sobre como evitar acidente de trabalho para que seus colaboradores não façam parte desta estatística:

1. Invista em treinamento

Capacite seus colaboradores para que eles executem suas tarefas com segurança. O treinamento deve ser direcionado à atividade específica do seu negócio. Mas itens como: equipamentos de proteção, rotinas de segurança e conscientização quanto aos riscos, são sempre importantes.

2. Ferramentas e EPIs

Fornecer ferramentas adequadas para cada tarefa, além dos equipamentos de proteção individual (EPIs), são cuidados básicos para evitar acidentes. Além de prevenir as ocorrências, mostra preocupação com os colaboradores.

3. Políticas de segurança

Defina os procedimentos de segurança para cada tarefa e documento-os. Os colaboradores só devem iniciar o trabalho quando tiverem total conhecimento e entendimento da política de segurança da empresa.

4. Monitore os colaboradores

O fato dos colaboradores estarem cientes dos riscos e dos procedimentos de segurança, não é motivo para baixar a guarda. Acompanhe a rotina da sua equipe para verificar se eles realmente seguem as normas. Se preciso, delegue a alguém a função de zelar pela segurança.

5. Informe sobre os perigos

Tenha certeza de que os colaboradores tenham conhecimento sobre os riscos das atividades que exercem. Para conscientizá-los você pode promover diálogos sobre segurança, utilizar canais e quadros de aviso para abordar o tema. Invista nas sinalizações: específicas para equipamentos ou áreas de maior risco.

6. Foco nos riscos

Aconteceu um acidente na sua empresa? Não economize tempo e recursos para investigar o porquê desta ocorrência e como evitar que ela se repita. Documente em detalhes como aconteceu o acidente e discuta com os próprios colaboradores sugestões de melhoria.

Fonte: Agência Brasil (agenciabrasil.ebc.com.br/8022.ref)

Você pode gostar
Equipamento de Proteção Individual (EPI): o guia definitivo!
Como a Lei Boate Kiss mudou as normas de prevenção à incêndio?

Deixe seu comentário

Seu Comentário*

Seu Nome*
Seu Site

Share This